Banner vestibular 04

Aconteceu, nesta quarta-feira (27 de março de 2019), a primeira palestra do professor Dr. Matthias Grenzer, sobre a Campanha da Fraternidade deste ano, que tem como tema "Fraternidade e Políticas Públicas". Além da fundamentação bíblica sobre a política no tempo de Jesus, permeada pelos aspectos históricos, econômicos, culturais e sociais, o palestrante também respondeu às perguntas dos presentes, em uma noite de muito diálogo. A atividade foi realizada no auditório da Faculdade Vicentina, com o apoio das Livrarias Paulinas. E foi transmitida pelo canal da FAVI no YouTube. Confira a gravação.

Palestra do dia 27/03 - Parte 1:



Palestra do dia 27/03 - Parte 2:



A manhã seguinte contou com a fala de abertura do Pe. Ilson Luís Hübner, diretor geral da Faculdade Vicentina, e apresentações musicais de alunos do Seminário Diocesano Maria Mãe da Igreja, de São José dos Pinhais. Giuliano Cesar da Rosa tocou flauta e Matheus Ramiro Lemes Nunes, William Bruno Cirilo de Lima e Gabriel Negrello Barbosa apresentaram o Hino da Campanha da Fraternidade, em voz e violão. Na primeira parte da palestra, professor Matthias, mais uma vez, expôs como eram as políticas na época de Jesus e como Ele reagiu a tais políticas. Após o intervalo, respondeu às perguntas dos participantes.


Palestra do dia 28/03 - Parte 1:



Palestra do dia 28/03 - Parte 2:

 

Confira fotos do evento no álbum criado na página do Facebook da FAVI.

 

Daqui a poucos dias, um dos principais biblistas em atuação no Brasil estará na Faculdade Vicentina para duas palestras gratuitas, focadas na Campanha da Fraternidade 2019. O professor Dr. Matthias Grenzer é um dos autores do texto-base da campanha e proporcionará aos participantes um aprofundamento bíblico sobre o tema “Fraternidade e Políticas Públicas”.

Para adiantar um pouco do conteúdo que ele irá abordar nos dias 27 e 28 de março, o professor Matthias enviou o texto abaixo. Confira:

"Como eram as políticas públicas no tempo de Jesus? E como Jesus de Nazaré reagiu a tais políticas? De um lado, a região de Samaria e Judeia estava sendo administrada diretamente por um funcionário romano. Nos anos de 26 a 36 d.C., este era Pôncio Pilatos. De outro lado, na região da Galileia, de 4 a.C. a 39 d.C., governava ainda o herodiano Herodes Antipas. No entanto, também este se encontrava subjugado ao Império Romano. O povo judeu, por sua vez, sofria, neste contexto político, sobretudo com os impostos cobrados pelos romanos. Perdas de bens por meio de endividamentos e, consequentemente, a fome marcavam a época em que Jesus se propôs a anunciar o seu Evangelho da ‘vinda do Reino de Deus’. Tal boa nova, de certa forma, incluía uma clara contraproposta às políticas promovidas pelas hierarquias políticas, seja por parte do Império Romano, seja por parte das lideranças pertencentes ao povo judeu. Descobrir os marcantes pormenores do Evangelho anunciado por Jesus, especialmente em vista de políticas públicas que não visavam à sobrevivência digna de todos e à inversão do destino dos miseráveis, será a tarefa principal do encontro de estudos previsto aqui".

>>> FAÇA SUA INSCRIÇÃO.

Arte Campanha Fraternidade Prof. Matthias

Quem não teve a oportunidade de acompanhar ao vivo a missa de abertura do ano letivo de 2019 e a Aula Magna agora tem mais uma chance de conferir este conteúdo na íntegra, pelo canal do Youtube da Faculdade Vicentina. As atividades aconteceram na manhã do dia 8 de fevereiro, na Igreja São Vicente de Paulo, com a presença da comunidade acadêmica e convidados.

O tema da aula inaugural foi “A Bíblia como literatura”, desenvolvido pelo professor Dr. Fabrizio Zandonadi Catenassi.



Confira também a galeria de fotos deste dia que celebrou a chegada dos novos alunos e a continuidade na formação dos alunos veteranos. Fotos: Geovanni C. De Luca. 

A 23ª edição da Tabulae - Revista de Philosophia, publicação semestral da Faculdade Vicentina, já está disponível para leitura no site.

“A Tabulae, mais do que um veículo de difusão de conhecimento, representa o acolhimento que a Faculdade Vicentina oferece às reflexões desenvolvidas por diversos pesquisadores preocupados com os rumos do mundo”, o professor Ms. Eli Carlos Dal ́Pupo, responsável pela publicação.

Além do texto de editorial, esta edição apresenta cinco artigos. Filosofia das ciências naturais, filosofia política de Herman Dooyeweerd, empatia e agir ético, filosofia em meio ao tecnicismo, mito da caverna e manipulação midiática estão entre os temas abordados. A edição conta, ainda, com uma entrevista sobre aborto, com Dom Ricardo Hoepers (bispo da Diocese de Rio Grande), feita pelo professor Edimar Brígido.

>>> Acesse a edição nº 23.

“Neste ano, ainda mais, uma vez que presenciamos tumultuados movimentos no sentido de colocar em dúvida conhecimentos há muito tempo construídos e até certo ponto consolidados. Que bom, desde que passe pelo crivo do rigor acadêmico e científico. Neste sentido, acreditamos ter cumprido nossa missão em 2018. Queremos agradecer a todos que confiaram suas pesquisas às nossas publicações e dizer que do mesmo modo suas reflexões serão bem-vindas em 2019”, afirma Eli.

Clique aqui para ver as publicações anteriores da Revista Tabulae.

O Diretório Acadêmico Trinitates realizou, na manhã desta quarta-feira (20 de março de 2019), no auditório da Faculdade Vicentina, o primeiro evento acadêmico do ano, chamado "Cultura & Convivência Acadêmica", reunindo os alunos da graduação e professores presentes.

Na primeira parte da atividade, aconteceu o colóquio sobre o "Vazio existencial na sociedade contemporânea", do professor Dr. Cloves Amorim – graduado em Psicologia, especialista em Didática e Bioética, mestre e doutor em Educação, integrante do corpo docente da pós-graduação da FAVI.

Na segunda parte da manhã, a fala manteve a mesma temática, porém pelo viés da neurolinguística, com o professor doutorando Jair Passos – psicoterapeuta, psicólogo, pesquisador e coach executivo e de vida, graduado em Psicologia e em História e Estudos Sociais, mestre em educação.

Os professores instigaram os alunos a buscarem um sentido eficaz para suas vidas, diante de tantas formas de negligência do valor da mesma – como demonstram, por exemplo, os altos índices de violência que acabam em assassinatos e as diversas razões que levam a suicídios. “O objetivo foi tratar de uma temática importante para a vida dos discentes, sempre em processo de descobrimento de si, diante aos vários acontecimentos que desvalorizam e até secundarizam a liberdade de viver, normalmente causado por um vazio existencial. Por meio de um dia de convivência, sem perder o viés acadêmico”, explica Felipe Teider de Godoi, presidente do DA-FAVI.

A atividade também contou com apresentação musical dos alunos da FAVI e um café oferecido pelo Diretório Acadêmico.

Fotos: Geovanni C. de Luca.

Foto: Freepik (ijeab)

Os professores e colaboradores da Faculdade Vicentina já estão se preparando para recepcionar os estudantes para mais um ano letivo, prestes a começar. E antes mesmo de darmos início, oficialmente, ao calendário de aulas, gostaria de agradecer pela dedicação destes profissionais, que não medem esforços para acolher nossos alunos e auxiliá-los em suas caminhadas.

Também gostaria de agradecer às congregações e dioceses, pela confiança depositada em nossa instituição, para formação dos seus. Muito nos honra poder ajudar a Igreja no Brasil.

É com muita alegria e responsabilidade que recebemos os alunos novos, que chegam motivados pela vontade de aprender e cheios de expectativas. Desejamos que este entusiasmo se multiplique ao longo do tempo de formação e que possamos aprender muito juntos, a partir da partilha do conhecimento que temos a oferecer e da bagagem de experiências que vocês já trazem consigo.

Aos alunos que darão continuidade aos estudos neste ano, fica a nossa gratidão pela confiança depositada em nossa instituição e pelo comprometimento com uma vivência de educação de qualidade. É notório o crescimento acadêmico e pessoal que vocês demonstram a cada ano.

Bem-vindos a mais uma etapa de formação! Que possamos celebrar esta conquista todos reunidos, na missa de abertura do ano letivo e na aula inaugural, que acontecerão no dia 8 de fevereiro de 2019, às 9h, na Igreja São Vicente de Paulo, ao lado da FAVI.



Abraços fraternos,

Pe. Ilson Luís Hubner, CM
Diretor Geral

A Faculdade Vicentina fechou o ano com chave de ouro. A Portaria nº 917, de 27 de dezembro de 2018, concedeu a renovação do reconhecimento do curso superior de Filosofia pelo Ministério da Educação. A informação foi publicada no Diário Oficial da União nº 249, no dia 28 de dezembro.

A direção da FAVI agradece a toda comunidade acadêmica pela dedicação ao curso.

Contando com profissionais altamente qualificados, o bacharelado em filosofia da Faculdade Vicentina é amplamente reconhecido pela sua qualidade acadêmica. A rica experiência no campo da educação, por parte da Família Vicentina, se une ao espírito inovador dos seus colaboradores e ao compromisso ético de todos na construção de uma sociedade que reconheça a dignidade inalienável do ser humano nas suas mais diferentes manifestações étnico-culturais e no cuidado do planeta.

Como bacharelado, o curso visa de modo particular o aprofundamento de sua área específica – a filosofia – e o desenvolvimento de habilidades de pesquisa. Saber buscar e produzir conhecimento, de forma crítica e criativa, é algo essencial na sociedade contemporânea que vive um processo contínuo de mudanças rápidas e profundas.

As inscrições para o Vestibular de Verão 2019 da FAVI estão abertas. Saiba mais.

Mais Artigos...